Posts Tagged 'grifatexto'



hoje estou de POUCAS PALAVRAS

queria escrever poucas palavras
palavras desconexas, sem sentido
sem precisar pesar ou medir
sem ter o esforço de pensar o que cada um vai causar

queria que fosse fácil e leve de explicar o que acontece aqui dentro
queria que fosse doce e sereno o que se passa no meu peito

mas, ao contrário, é forte e contundente
quase consome, mas não chega a tanto
o que sinto agora é melhor do que antes
é menos arrasador do que no passado
sem, no entanto, deixar de ser abrasador

queria que com poucas palavras entendesse o que sinto
mas não vejo como isso é possível
se nem eu mesma consigo explicar
e se continuasse tentando me estenderia muito
e já não seriam mais poucas palavras

**Juliana Araújo

http://grifatexto.blogspot.com

O QUE É O AMOR

70_(9)


não, eu me enganei
amor não era aquilo
nem eu nem você sabíamos

acredite se quiser
o amor é lindo

amor é o que vai acontecer
é só esperar (mais) um pouco
ele tem pressa, já está vindo

.

.

.

REVELADA

http://grifatexto.blogspot.com


é o que eu sempre falo com essa menina quando ela cisma em escrever nesse tal de blog!

mas não tem jeito
ela é transparente
e me foge das vistas
e aí quando vejo
já foi
lá está ela
toda revelada

.

.

.

CHOVE LÁ FORA E AQUI TÁ TANTO FRIO

82274388

.

.

.

.

.

.

.

A temperatura caiu hoje…

olhei pela janela agora
e cai uma chuva fina e fria lá fora
igual aqui dentro do meu peito…

e corta a alma


http://grifatexto.blogspot.com

.

.

.

.

.

.

.

.

.

TONALIZANTE VERMELHO E SALTO ALTO

02 de julho – já fazia um mês de uma tormenta sem precedentes


**

Nos dois dias anteriores ela havia sido ferida de morte, golpe após golpe entraram em seu peito, afiados como uma lâmina bem aguda, tirando-lhe a força, a cor, chão, a vontade de comer, principalmente.

Não aguentou a hemorragia de sentimentos, foi a uma clínica no meio da tarde. Dr. Otávio e Dra. Camila já conheciam os seus problemas (físicos).

Entrou, contou o que estava sentindo, o médico receitou um remedinho, disse que precisava se alimentar e mais um monte de blá, blá, blá do qual ele tinha toda a razão, mas…. a razão já tinha ido embora e apenas o que sobrara eram seus olhos cheios de lágrimas, prontas pra rolarem e uma dor aguda no peito que a consumia minuto a minuto. No entanto, ela se manteve firme diante do médico.
Ele disse: vai pra casa descansar, quero te ver na segunda!

Ela prontamente levantou e se encaminhou para o consultório da doutora (as mulheres são mais compreensivas com as lágrimas alheias). O toque na maçaneta foi o suficiente para que o mar de dor represado se transformasse em vigorosas corredeiras… e chorou, chorou e chorou!


sesentia
Dra. Camila cuidou de suas lágrimas com delicadeza e carinho de uma antiga amiga. Também em suas dores físicas deu um jeito.



Na segunda-feira ela obedientemente voltou ao consultório do Dr. Otávio, com um sorriso no rosto que o surpreendeu!
Está melhor?
– Sim, bem melhor!
– O que houve?
– Um tonalizante vermelho nos cabelos e um salto alto nos pés!

**


PS: ela não disse para o médico, mas, na verdade, Deus a segurou no colo por todo o fim de semana.

AINDA SOBRE MÚSICAS QUE FALAM

Terça-feira à tarde ela precisava terminar um texto e o título não saía de jeito nenhum. Na sala agitada ela ligou o fone e clicou, sem olhar, na primeira pasta de áudio dentro de seu diretório.

Faixa 1, Leoni começou a cantarolar em seu ouvido “guardo pra te dar as cartas que eu não mando, conto por contar e deixo em algum canto…e as pilhas de envelopes já não cabem nos armários, vão tomando meu espaço, fazem montes pelas sala e hoje são a minha cama, minha mesa, meus lençóis e eu me visto de saudades do que já não somos nós…”, o que a fez automaticamente pular pra próxima música (o som era só pra concentrar e não pra afogá-la).

Leoni continuou, então, com sua voz suave, na faixa 2 “…a ciência confirma os fatos que o coração descobriu, nos seus braços sempre me esqueço de tempo, espaço e no fim tudo é relativo quando te fazer feliz me faz feliz…” e parou por aí! Não deu!

Dessa vez prestou bem a atenção em qual pasta clicaria e abriu Jars of Clay, Liquid. E se sentiu melhor pra terminar o trabalho.

ondeir

Conselho: não ouça Leoni se não estiver em suas CNTP!

LIMPANDO MEU OUTLOOK

Monday, September 17, 2007 2:58 PM
Subject: pepeeeeeeeeeeeee
From: Juliana Araújo – Danza


te amo pra sempre meu amor.
vc é tudo em minha vida
te amo


… Acho que não era um bom momento pra limpar minha caixa de e-mails! SA-CO!!!

Então, abstraindo o passado e mudando de assunto (mas não totalmente), lá vai uma super citação do grifatexto, um blog fofinho que encontrei e já está nos meus favoritos.

sonho


SEJA BEM-VINDO!

JULIANA ESCREVE
Sobre tudo que alcança seu coração, o que não é pouca coisa! Deus, família e amigos são assuntos recorrentes. Milagres, bençãos e bom humor também fazem parte... Se quiser ficar no meu coração, à vontade, mas não traga porcarias para dentro dele, ok? :)

Categorias