ACIDENTE COM A POESIA

Morreu a rima, desmaiou a palavra,
Quebrou-se toda a linha.
Amputou o verbo, a inspiração está mal,
A emoção definha.
Perigando na vida, todos na UTI do coração,
Que também sem recurso,
Tenta salvar algum a qualquer custo.
Que algum verso de fibra resistente,
Sustente uma linha de bom pensamento,
Ressuscite uma rima de amor, com um susto,
Ou desperte a palavra adormecida
Regenerando o verbo,
E, cure a inspiração do surto.
E eis, que, não mais que de repente,
O poeta que ali junto definhava
De solidão, de amargura e dor,
Abraça a emoção, suspira profundo,
Sai nu ao vento, numa elegia à vida,
Só com a diáfana transparência colorida
Da palavra bem dita, no momento de dor,
Ressuscita a rima e cura todo mundo,
Com as mágicas gotas da alegria e da paz,
Dos seus versos de amor.

Não, essa dor não é minha, mas dou meu apoio de toda forma… já passei por isso. Foi minha tia Eunice que escreveu, dia desses quando não estava muito legal. Espero breve texto mais floridos, fica meu pedido!

Anúncios

2 Responses to “ACIDENTE COM A POESIA”


  1. 1 Tia Eunice 09/01/2011 às 11:38

    Obrigada Jú,
    pela deferência tão especial (ihhh… sempre me traindo, isso é tão antigo). Valeu o destaque do meu momento down, mas já passou. É só coisa de aprendiz, atos falhos no exercício de poetar. Um dia aprendo e me corrijo. Bjs

    Curtir


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




SEJA BEM-VINDO!

JULIANA ESCREVE
Sobre tudo que alcança seu coração, o que não é pouca coisa! Deus, família e amigos são assuntos recorrentes. Milagres, bençãos e bom humor também fazem parte... Se quiser ficar no meu coração, à vontade, mas não traga porcarias para dentro dele, ok? :)

Categorias


%d blogueiros gostam disto: